Conheça Mais sobre Vinhos
Adega do Vinho
Mapa do Vinho: Chile

O Chile é um grande conhecido dos brasileiros. Por vários anos, vinho importado, para nós, era vinho chileno. O país sempre produziu em larga escala e, a partir dos anos 80, passou a caprichar mais na bebida. Hoje o Chile está presente no mundo inteiro, e com merecido reconhecimento. Afinal, a vocação enológica do país é incontestável, desde praga filoxera, quando só o Chile se viu protegido. A explicação mais frequente para o fato é que o país se teria beneficiado da localização geográfica, entre a cordilheira dos Andes e o oceano Pacífico. Uma curiosidade é a presença da Carmenère, "a uva perdida da Europa", que floresceu no Chile e tem resultado em vinhos muito agradáveis.

Procure nos rótulos: ao contrário dos países europeus, que têm leis claras de classificação, os da América do Sul têm regras mais flexíveis. Os produtores usam Gran Vino e Reservado para distinguir as categorias de seus vinhos, de acordo com critérios próprios.

Regiões produtoras, do norte para o sul: Aconcágua (onde está a sub-região de Casablanca), Maipo (Santiago, Talagante, Buin, Pirque, Llano Del Maipo), Rapel (Cachapoal, Colchagua, Santa Cruz, Peralillo), Maule (Curiçó, Talca, Cauquenes, Linares, Parral), Bío-Bío (Nuble).

Castas mais comuns: tintas - Carmenère, Cabernet Sauvignon, Merlot, Malbec, Pinot Noir, Syrah; brancas - Chardonnay, Sauvignon Blanc.

São de lá: Santa Helena, Concha y Toro, ViñaMorandé, Viña Casablanca, Viña Tarapacá, Santa Carolina, Santa Rita, Ventisqueiro, Casa Silva, Casa Lapostolle, Chadwick, Agustinos, Caliterra.

Experimente: Casa Lapostelle Cuveé Alexandre, Almaviva, Agustinos Reserva Carmenère, Seña de Caliterra, Don Maximiano, Don Melchor, Casa Silva Quinta Generación.




Conheça Também:

Imigrantes Bebidas
Clã do Whiky
Vodkas.com.br
cervejanacionaleimportada.com.br
Bebidaebebidas.com.br
Alambique da Cachaça
Absintos.com.br
8810914